O BALTIMORE É CAMPEÃO DO SUPER BOWL XLVII (2013)

Melhor do jogo, Joe Flacco ergue o troféu Vince Lombardi após o título do Baltimore (Foto: Getty Images)
Baltimore ganha por 34 a 31 e conquista o Super Bowl XLVII
O Super Bowl XLVII, disputado na noite de domingo, 03 de fevereiro de 2013, em Nova Orleans. Teve um apagão de mais de 30 minutos. Teve o touchdown mais longo da história da final da NFL. Teve a reunião do antigo grupo de Beyoncé no show do intervalo, as Destiny’s Child. Teve uma jogada "malandra" nos segundos finais. E quase teve a maior virada da história da decisão da liga. Ficou no quase. Com uma decisão controversa da arbitragem no fim, o Baltimore Ravens derrotou o San Francisco 49ers 34 a 31 para conquistar o segundo troféu Vince Lombardi da franquia. O quarterback Joe Flacco terminou como o melhor da partida.

Depois de estar perdendo por 22 pontos, o San Francisco ficou perto de conseguir a maior virada da história do Super Bowl. Depois de 30 minutos sem luz no Superdome, o time californiano contou com um apagão do Baltimore, diminuiu a distância para dois pontos e teve a chance de empatar em uma conversão de dois pontos. Sem êxito, teve ainda a chance de virar, a cinco jardas de um touchdown, mas também não conseguiu. O lance que decretou o fim do sonho foi polêmico. Michael Crabtree foi seguro pela camisa ao tentar receber na área de touchdown, mas a arbitragem não marcou infração.

Quem teve muito sucesso foi Jacoby Jones. Ele já havia conseguido um belo touchdown de 56 jardas no fim do primeiro tempo, mas fez ainda melhor no início do terceiro quarto quando, no primeiro lance depois do intervalo, retornou kickoff para um touchdown de 108 jardas, o mais longo da história do Super Bowl. Para encerrar o jogo, uma jogada "malandra" e "engraçadinha" do Baltimore, que deu dois pontos de graça ao adversário apenas para gastar tempo.

Fonte: Mega Times e Klima Naturali
Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

CityGlobe