MINEIRÃO NA COPA DAS CONFEDERAÇÕES FIFA 2013 E NA COPA DO MUNDO EM 2014

 Mineirão - Estádio Governador Magalhães Pinto
Características
Local: Belo Horizonte, MG, Brasil
Gramado: Grama natural (105 x 68m)
Capacidade: 62.170 Pessoas

Na Copa do Mundo, o estádio receberá seis jogos, incluindo uma das semifinais, na terça-feira, 18 de julho. Mais do que isso, Belo Horizonte é candidata a receber a primeira partida eliminatória da Seleção Brasileira no torneio, pelas oitavas de final, no sábado, 28 de junho. Isso acontecerá caso a equipe se classifique em primeiro do Grupo A. Outras quatro partidas da primeira fase estão reservadas para o estádio.




A capital mineira receberá três confrontos da Copa das Confederações FIFA 2013, incluindo uma semifinal, que pode ter o Brasil em campo. O primeiro jogo colocará em campo Taiti e o representante da África, que será conhecido em fevereiro de 2013. O confronto é válido pela primeira rodada do grupo B e está marcado para 17 de junho, uma segunda-feira, às 16h. O segundo jogo  será em 22 de junho, pela rodada decisiva do grupo A, o da Seleção Brasileira. O duelo a partir das 16h reunirá Japão e México.

Belo Horizonte receberá, ainda, uma das semifinais. Estarão em campo o vencedor do grupo A e o segundo colocado do grupo B. Assim, se o Brasil conseguir se qualificar como primeiro do seu grupo, jogará no Mineirão em 26 de junho, uma quarta-feira, contra o segundo do grupo B. O jogo será a partir das 16h. No Grupo A estão Brasil, Japão, México e Itália. No Grupo B, Espanha, Uruguai, Taiti e o representante da África.

A obra de reforma do Mineirão foi entregue oficialmente em 21 de dezembro de 2012. Assim, a arena se tornou a segunda da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 a ficar pronta, cinco dias depois do Castelão, em Fortaleza. O primeiro jogo no novo Mineirão será o clássico Cruzeiro x Atlético em 3 de fevereiro de 2013. Confira a cobertura completa, em textos, fotos, vídeos e infográficos, realizada pelo Portal da Copa.

Na Copa do Mundo, o estádio receberá seis jogos, incluindo uma das semifinais, na terça-feira, 18 de julho. Mais do que isso, Belo Horizonte é candidata a receber a primeira partida eliminatória da Seleção Brasileira no torneio, pelas oitavas de final, no sábado, 28 de junho. Isso acontecerá caso a equipe se classifique em primeiro do Grupo A. Outras quatro partidas da primeira fase estão reservadas para o estádio.

A capital mineira receberá três confrontos da Copa das Confederações FIFA 2013, incluindo uma semifinal, que pode ter o Brasil em campo. O primeiro jogo colocará em campo Taiti e o representante da África, que será conhecido em fevereiro de 2013. O confronto é válido pela primeira rodada do grupo B e está marcado para 17 de junho, uma segunda-feira, às 16h. O segundo jogo  será em 22 de junho, pela rodada decisiva do grupo A, o da Seleção Brasileira. O duelo a partir das 16h reunirá Japão e México.

Belo Horizonte
Área: 330,954 km²
População: 2,4 milhões de hab.
PIB: R$ 32.725.361 mil
Fuso Horário:  GMT -3 horas

Belo Horizonte receberá, ainda, uma das semifinais. Estarão em campo o vencedor do grupo A e o segundo colocado do grupo B. Assim, se o Brasil conseguir se qualificar como primeiro do seu grupo, jogará no Mineirão em 26 de junho, uma quarta-feira, contra o segundo do grupo B. O jogo será a partir das 16h. No Grupo A estão Brasil, Japão, México e Itália. No Grupo B, Espanha, Uruguai, Taiti e o representante da África.

A previsão é de que os trabalhos no aeroporto de Confins sejam concluídos até dezembro de 2013. As ações incluem reforma, modernização e ampliação do Terminal de Passageiros e adequação do sistema viário. O investimento total estimado, segundo informações do 4º Balanço das obras da Copa do Governo Federal, é de R$ 239 milhões.




As oito obras de mobilidade urbana estão em andamento. Ao todo, segundo informações do 4º Balanço do Governo Federal, divulgado em dezembro de 2012, o investimento na área será de R$ 1,4 bilhão, com R$ 1,023 bilhão de financiamento federal. Os projetos incluem três Bus Rapid Transit (BRT); três vias; uma central de monitoramento; e um corredor exclusivo de ônibus. Confira o detalhamento abaixo

Dos times que movimentam a paixão mineira pelo futebol, o mais antigo é o Atlético Mineiro, que surgiu em 1908, da empolgação de estudantes com o novo esporte. É o clube local de maior apelo popular e maior campeão estadual, com 41 títulos – o Cruzeiro soma 36. Também foi o primeiro time a ganhar o Campeonato Brasileiro, em 1971. O Galo também é bicampeão da Copa Conmebol em 1992 e 97.

Em 2 de janeiro de 1921, foi fundada oficialmente a Societá Sportiva Palestra Italia, que passou a se chamar Palestra Mineiro, por causa da 2ª Guerra Mundial. A ideia de transformar a equipe em uma entidade totalmente brasileira foi concretizada em 1942, batizada como Cruzeiro Esporte Clube, uma homenagem à constelação do Cruzeiro do Sul, um dos símbolos da pátria. O time azul celeste passou a ser o clube mineiro mais vitorioso.

Tem no currículo duas Libertadores, o tetra da Copa do Brasil e dois campeonatos brasileiros. Outro time de grande tradição é o América. Apelidado de “coelho” pela torcida. É o único dos três a conseguir 10 conquistas estaduais seguidas, de 1916 a 1925.

Uma das primeiras cidades planejadas do país, Belo Horizonte cresceu emoldurada pelas curvas da Serra do Curral e transformou-se numa metrópole de ruas arborizadas e traços arquitetônicos singulares, com destaque para o Complexo da Pampulha e a Praça da Liberdade.

Os dois cartões-postais revelam partes da história da capital e de Minas Gerais, um estado que liderou o primeiro movimento pela independência do Brasil: a Inconfidência Mineira, no fim do século 18. E, nesse movimento, surgia Belo Horizonte.

Em 1701, o bandeirante João Leite da Silva Ortiz chegou à serra de Congonhas. Em lugar do metal, encontrou uma bela paisagem, de clima ameno e próprio para a agricultura.

Em 1897, Belo Horizonte tornou-se capital de Minas Gerais. Na recém criada República Federativa do Brasil, refletiu uma invenção política, com traçado urbano feito aos moldes de Paris e Washington, onde viveriam 250 mil habitantes.

Hoje com 1,4 % do PIB nacional e 2,4 milhões de habitantes, a cidade é o centro de uma região metropolitana de 4,5 milhões de habitantes. Ostenta Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH-M) de 0,839 – elevado, segundo critérios da ONU –, e abriga o quinto maior parque produtivo da América do Sul.

A rede hoteleira oferece mais de 23 mil leitos. Para a Copa, as ações previstas alcançam, levando em conta todos os setores envolvidos, o valor estimado de R$ 2,35 bilhões.





Fonte: Mega Times e Klima Naturali
Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

CityGlobe