INTERPORTO É CAMPEÃO TOCANTINENSE 2013

O Interporto, comandado pelo técnico Roberto Oliveira, venceu no sábado, 8 de junho, o Gurupi por 1 a 0, no estádio General Sampaio, em Porto Nacional, e quebrou um jejum de 14 anos sem títulos no Campeonato Tocantinense 2013.

O Interporto precisava apenas de um empate, mas para levar o título com classe total ganhou com um gol de diferença do Gurupi, que já vinha a três anos levantando a taça de melhor do campeonato.

Nos primeiros minutos da partida os times entraram de igual para igual. O Camaleão tinha a necessidade de ganhar para levar o título e foi para cima, mas aos 17 minutos em uma cobrança de falta Fabio Bala mandou para o fundo das redes, porém estava impedido.

O Interporto apresentava mais atitude, embora necessitasse apenas do empate para levantar a taça. Enquanto isso o Camaleão do Sul não conseguia se movimentar bem, aceitando a marcação e, falando em marcação, Lourival que estava sempre fortemente marcado não conseguia se desviar consequentemente não conseguindo finalizar.

Outra grande jogada do Interporto surgiu aos 25 minutos mais uma vez com Fábio Bala que recebeu e seguiu em frente para finalizar, mas foi impedido pela zaga do Gurupi. Já nos últimos minutos, Lourival recebeu dentro da pequena área o passe de Israel, mas tocou errado e não conseguiu completar a jogada. Aos 45 minutos, Raniel tocou para Lourival, que bastante marcado devolveu para o camisa cinco, que desmarcado tocou mal e a bola passou bem distante do travessão, e com o placara zerado acabou o primeiro tempo.

No segundo tempo, Lourival e Lucio foram ‘anulados’ pela forte marcação, mas nos primeiros minutos o Camaleão conseguiu avançar, porém o Interporto manteve mais a posse de bola foi pra cima. Aos 29 minutos abriu o placar com Rodrigo para o delírio da apaixonada torcida do Interporto.

No restante da partida o Gurupi meio que entrou no desespero, mas ainda sim conseguiu fazer alguns lances bonitos como aos 13 minutos quando Israel em uma cobrança de falta tocou para Hermeson, que não conseguiu cabecear perdendo a oportunidade de fazer para o time do sul.

Aos 21 minutos, Ricardo Urubu que entrou no lugar de Israel fez um belo cruzamento que parou no Nego do Interporto.

Gurupi passou boa parte do segundo tempo vendo o jogo passar. Após o gol tentou correr atrás do prejuízo, mas a marcação estava fortíssima e não obteve êxito para a satisfação do Interporto que ergue a taça depois de mais de uma década sem sentir o sabor da vitória.

Ao final da partida o presidente do Gurupi Esporte Clube, Wilson Castilho, parabenizou o time vencedor e a iniciativa do prefeito de Porto Nacional, Otoniel Andrade, pelo incentivo que deu ao time de R$ 150 mil mensal ao grupo.  Reclamou da ajuda financeira dada pelo prefeito Laurez Moreira, que segundo ele, foi de R$ 80 mil e este valor não banca nem a folha de pagamento do grupo. Disse que se o time não tiver ajuda da prefeitura a história de títulos do Gurupi vai ficar para trás.

Castilho ainda comentou que mesmo com tantos problemas financeiros, o Gurupi fez bonito e deu trabalho ao Interporto.

Fonte: Futebol do Norte

Fonte: Mega Times e Klima Naturali
Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

CityGlobe