O CEARÁ É CAMPEÃO CEARENSE DE 2014

O Ceará encarou o Fortaleza no Castelão e, apesar de desperdiçar grandes chances de gol, conseguiu o resultado favorável e saiu de campo comemorando o seu quarto Tetracampeonato Estadual.

O primeiro tempo começou com o Vozão finalizando, mas Bill mandou para  fora. Em seguida, Luís Carlos fez duas boas defesas. Na primeira, o camisa 1 espalmou chute de Eduardo Luiz e, em seguida, salvou após finalização de Robert. A resposta do Vozão veio aos oito minutos, quando Samuel Xavier arriscou de fora da área, mas mandou por cima.

O Vozão começou a investir nos chutes de fora da área, mas o goleiro Ricardo defendeu as finalizações de Ricardinho e Souza. Com 17 minutos, Marcelinho Paraíba chutou colocado, mas mandou na trave. Dois minutos depois, Felipe Amorim puxou contra-ataque, ficou cara a cara com o goleiro adversário e finalizou, porém, a bola saiu pela linha de fundo.

A melhor chance do Vozão veio aos 28 minutos, quando Sandro recebeu na área e finalizou de primeira, mas mandou na trave esquerda de Ricardo. Na sequência, Walfrido recebeu na área e desviou de cabeça, mas Luís Carlos trabalhou bem e salvou.

Com o jogo caminhando para o fim, Ricardinho arriscou novamente em chutes de fora da área, mas mandou pelo lado direito do gol, enquanto isso, Danilo Rios usou o mesmo artifício, porém, o goleiro Luís Carlos salvou mais uma bola, desta vez, após desvio na defesa, decretando o 0 x 0 no marcador.

Na etapa final,  o Vozão comelou pressionando. Aos três minutos, Magno Alves lançou para Felipe Amorim, que limpou a marcação e chutou forte, mandando rente à trave direita. O rival tentou reagir em cobrança de falta de Marcelinho Paraíba, que foi bem defendida por Luís Carlos. Na primeira mudança do time, Leandro Brasília entrou na vaga de Felipe Amorim

Aos 17 minutos, Magno Alves lançou para Bill, que ficou cara a cara com Ricardo e chutou forte, mas balançou apenas o lado de fora das redes. Em seguida, Magno Alves recebeu de Souza e foi derrubado na entrada da área. Souza cobrou a falta, mas mandou pelo lado direito do gol. Com 30 minutos, Magno Alves fez jogada individual e chutou, mas mandou para fora.

Com 33 minutos, Romarinho avançou no ataque e chutou, mas a defesa do Vovô tirou. Em seguida, Robert finalizou, mas parou novamente na zaga do Ceará. Sérgio Soares mudou o time e colocou Michel na vaga de Souza. Com 38 minutos, o Vozão perdeu o lateral-esquerdo Samuel Xavier, que recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.

Aos 41 minutos, Romarinho cruzou na medida para Eduardo Luiz, que finalizou de cabeça, mas mandou para fora. Nos minutos finais, o Vozão seguiu mostrando muita raça e determinação, afinal, o placar de 0 x 0 favorecia o time de melhor campanha. O Fortaleza buscava o gol, mas mostrava descontrole e, então, o apito final decretou mais um título estadual ao Vozão, que comemorou o Tetracampeonato 2011-2012-2013-2014.

Este foi o quarto Tetracampeonato do Vozão nos seus cem anos de glórias.

Ceará 0 x 0 Fortaleza

Árbitro: Anderson Daronco/RS
Assistente Nº 1: Alessandro Álvaro Rocha de Matos/BA
Assistente Nº 2: Rodrigo Pereira Jóia/RJ
4º Árbitro: José Cleuton de Souza Lima/CE

Ceará Sporting Club

1-Luís Carlos, 2-Samuel Xavier, 3-Sandro, 4-Anderson, 5-João Marcos, 6-Vicente, 7-Felipe Amorim (16-Leandro Brasília), 8-Ricardinho (23-Marcos), 9-Bill, 10-Souza (15-Michel), 11-Magno Alves. Técnico: Sérgio Soares

CArtões Amarelos: Anderson, João Marcos, Michel, Magno Alves (Ceará); Danilo Rios, Edinho (Fortaleza)
Cartão Vermelho: Samuel Xavier (Ceará) Max Oliveira (Fortaleza)

Fortaleza Esporte Clube

1-Ricardo, 2-Amaral (13-Guto), 3-Eduardo, 4-Max Oliveira, 5-Corrêa, 6-Radar, 7-Walfrido (19-Romarinho), 8-Edinho, 9-Robert, 10-Marcelinho Paraíba e 11-Danilo Rios (14-Genilson). Técnico: Marcelo Chamusca

Fonte: Mega Times e Klima Naturali
Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

CityGlobe